Luta de classes entre materiais

DESCUBRA O CAL SAGRADO NAQUELA PILHA DE CALCÁRIO 

Continuando a série de posts com conteúdo nada convencional ao blog Error23, vou prosseguir com as classificações e principais propriedades dos materiais, além de explicar do por quê os metais serem bons condutores de calor e por quê você usa pratos cerâmicos pra comer.

Resultado de imagem para materiais

Os materiais são divididos em três grandes categorias: Metais, polímeros e cerâmicos. Alguns autores ainda atribuem aos materiais mais uma classe, sendo essa os biomateriais. Eu até diria que os nanomateriais são uma subclasse.

Essa classificação nos permite distinguir bem as características de cada material. Ao falarmos de um metal, sabemos de antemão as principais características, que são condutividade elétrica e térmica. Isso é ocasionado pelos elétrons que se situam na ultima camada, fracamente ligados ao núcleo atômico. Esses elétrons têm liberdade de sairem da eletrosfera do átomo e “viajar” pelo material A corrente elétrica é movimento de elétrons e por metais ter muitos elétrons livres, permite que uma diferença de potencial mova esses elétrons livre criando uma corrente elétrica.

Resultado de imagem para metais

A condutividade térmica é uma condição de absorção de energia mecânica. Os átomos no metal estão frouxos e podem vibrar carregando essa energia mecânica ao longo do corpo material. Por isso uma haste de metal esquenta rápido. Metais são o ferro, o ouro, a prata, o cobre, o zinco, o titânio, etc… existem as ligas metálicas como Aços que são ferro com carbono. O latão também é um metal, sendo uma liga metálica de cobre e zinco.

Metais nobres como ouro, prata e platina são inertes, sendo muitos usando como implantes antigamente por não causar problemas infeccionais no corpo humano. Imagina colocar um ferro na perna e depois de dias aquilo enferrujar e apodrecer dentro de você. Esses materiais que são compatíveis ao corpo humano são chamados de biomateriais.

Os polímeros são moléculas gigantescas, 99,0% das vezes são orgânicos formados por hidrocarbonetos. Polímero vem do grego poli = muitos e mero = unidade que se repete. Resultado de imagem para polietileno moleculaUm polietileno é uma molécula que repete a unidade monomérica do etileno milhares de vezes, se tornando uma macromolécula super hiper fodástica. Se aumentássemos essa molécula até nossa escala, ela teria uns 10 mil quilômetros. Plásticos estão em todo lugar, no seu computador, copo descartável, borracha, etc… Até a tinta da parede é polímero. O isopor é poliestireno expandido, a acetona é um solvente, por isso jogar acetona no isopor faz ele “derreter”, que na verdade é dissolvê-lo… depois desse processo ele se torna uma massinha melequenta que é o polímero “hidratado” com o solvente. Depois de seco ele endurece. O solvente deixa ele mole porque as moléculas da acetona ficam no meio das cadeias poliméricas deixando elas escorregarem entre si como argila.

Resultado de imagem para vela de moto
Vela de moto

Os cerâmicos são duros e frágeis. São formados por óxidos metálicos como ZnO, MgO, Fe2O3, SiO2 etc… Toda gema e cristal usado na magia são cerâmicos. Uns bonitos outros nem tanto. A zafira é um alótropo da alumina (Al2O3) que você encontra na vela da sua moto (se você tiver uma). O cerâmico sagrado é o óxido de Cálcio, pois ele é o CaO, chamado de Cal… Cal Sagrado.

O piso, o tijolo, a placa do seu computador é de cerâmico. Esse material suporta altas temperaturas, sendo usados até mesmo em ônibus espaciais para suportar a temperatura da reentrada ocasionada pelo atrito das moléculas da atmosfera. O carbono e o diamante também é cerâmico. E por mais incrível que pareça, o gelo também! O gelo não deixa de ser óxido de hidrogênio (H2O).

Cada classe de material tem características próprias que está intrinsecamente relacionada ao tipo de ligação química. Nos metais tem-se a ligação primária do tipo metálico, nos polímeros a covalente e nos cerâmicos a iônica. Mais uma vez a química explicando as propriedades dos materiais.

Agora, por que raios nós usamos pratos de cerâmica? Isso tem várias razoes. Quando não é descartável, ele deve durar. Imagina o gasto com pratos e corpos descartáveis? Os cerâmicos são inertes, não contaminam a comida e também são fáceis de lavar. São duros, portanto abrasivos o suficiente para não desgastarem com as ranhuras da faca e do garfo. O único defeito dele é que se você deixar cair no chão já era!

Qual dos tipos de materiais é o melhor? Nenhum… Todos possuem suas próprias peculiaridades, são diferentes entre si. Existem aplicações que são insubstituíveis, o objetivo do engenheiro de materiais é chegar a um material que possuem o maior número de aplicações possíveis, contemplando as qualidade de todas as categorias, mas isso é praticamente impossível atualmente.

Devemos dar as devidas aplicações para cada classe de materiais olhando para implicações globais. Nenhum deles é menos ou mais favorável. Cada material é o que ele é.

..

.:23:.

….

Dark Night decidiu mostrar seu lado engenheiro de materiais que atua nas horas vagas compartilhando conhecimento da área científica fnórdica revelando os segredos da esfera de Malkuth.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s