O Despertar Discordiano

O Discordianismo possui vários segmentos. Uns trilham pelo caminho da piada, da brincadeira e do divertimento. Outros levam como uma religião devocional. Há também o Discordianismo como um estilo de vida ou uma forma de filosofia de vida (por que não?).

Um dos segmentos nítido e evidente é a faceta zen. O Zen Discordianismo talvez seja uma pseudo-escola Rinzai. Essa escola está escorada no uso dos Koans e na mistura de outros pensamentos orientais fundidos ao modernismo. Você  pode saber mais e entender menos sobre isso lendo o principia-discordia-portugues (evidentemente), The Chao Te Ching e koans-discordianos-digital.

O Zen Discordiano desperta assim como o Discordiano comum desperta. Mas o que diferencia um do outro? Fnord.

O Zen Discordiano é o despertar dentro do despertar.

Despertar, ou Iluminação, é um estado mental de ser/sentir. É momentâneo e súbito. É possível obter o despertar se concentrando em uma pergunta, andando pela calçada ou lendo o Principia Discordia. Ao despertar o indivíduo se sente pleno, entende e tudo parece fazer sentido. Nesta ocasião a consciência se expande e ele atinge um novo patamar, subindo de nível – onde os monstros são mais fortes e piores.

O Principia Discordia gera uma série de iluminações forçadas. Talvez a primeira delas ocorre nas primeiras 10 páginas do PD. A entrevista introduz, dando uma pré iluminação, preparando para o primeiro insight quando o leitor lê os 5 mandamentos do Discordianismo.

Depois de ler uma por uma, na quinta ele recebe uma surpresa, fazendo o cérebro desmanchar o solo que estava se formando sob seus pés. Nessa dissolução a mente pára por um breve momento tentando entender o que está acontecendo. A resposta corporal vem através de uma risadinha de canto da boca. Eis a primeira piada bem elaborada.

Depois de várias iluminações forçadas, o leitor se vê num mar de deslumbres de despertares. Quando chega no final do livro ele tem ciência dos Fnords.

Nem todos que leem o PD entende o PD. Afinal de contas, dá de entender alguma coisa? Sim. Mas é sutil. É intuitivo.

O Zen Discordianismo é um segmento que tenta continuar com esses despertares em um caminho que não se sabe até onde vai. Apenas  vai. O uso excessivo de Koans, Fnords e piadas sem sentido pode levar a mente à um estado de esplendor. O lado negativo dessa história é que cada vez que se vai pulando de orbital energético, mais energia vai precisar para o próximo nível de energia. Nem todas as piadas sem sentido serão bons, nem todos os Koans serão bons, porém os fnords podem ser os únicos que lhe servirão.

O Zen Discordiano atinge o limiar supremo da Iluminação quando encontrar o Fnord Final do jogo. Quando ele atingir esse ponto ele é engolido por um buraco negro e acorda do coma.

*********************************************************************

**************************************

*************

****

*

Caiu aqui de pára-quedas? Achou essa merda interessante? Escreva para sociedadefnordianadiscordiana@gmail.com e mande um e-mail para a puta que o pariu.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s